O Orc agora faz parte do Telha

Depois de seis participações no Telhacast, no decorrer de todo este ano, fui convidado por Thiago Miro a ser integrante fixo de sua equipe de podcasters, completando o grupo de dez membros. Agora, caros leitores do Covil, todos poderão me ouvir com mais freqüência no Telha, incluindo o programa desta semana sobre “Filmes Amaldiçoados”.

Não deixem e ouvir os antigos também: a série especial sobre Tolkien e o cast sobre Drácula.

Boa diversão a todos!

Anúncios

Mais uma vez no Telhacast

Mais uma vez fui convidado a participar do Telhacast. Da primeira vez, fizemos uma série de 5 episódio sobre a vida e obra de J. R. R. Tolkien. Desta vez fizemos um especial sobre o atemporal Drácula, de Bram Stoker. Abordamos o livro, seus contextos e suas diversas adaptações para o cinema, além de um apanhado histórico sobre vampiros.

Para ouvir, basta visitar a página do Telhacast clicando aqui.

Um Novo Covil – 4 Anos de História!

É isso mesmo: o Covil está há 4 anos no ar! Claro que não foram 4 anos de super-atividade e, além do mais, 2011 nem foi muito produtivo para este blog, que contou com poucas atualizações. Mesmo assim as visitações e os comentários nunca pararam e, para minha surpresa, apenas aumentaram, fechando o ano com quase 3 mil visitas a mais que no ano anterior, ou seja, cerca de 22.000 acessos! Com uma média de 59 visitantes por dia, 7 a mais que em 2010.

O post mais visitado continua sendo sobre o Drácula, de Bram Stoker, seguido de longe pela interpretação da música “Índios”, da Legião, e pela resenha do livro brasileiro sobre Mitologia Nórdica (o qual, já há dois anos, vem gerando grande discussão nos comentários, inclusive com a ilustre presença do autor do livro, A. S. Franchini).

Neste ano, o Covil ultrapassou a marca de 68 mil visitas e a página de Contos já está à beira dos 2 MILHÕES de visualizações, com dezenas de comentários de alunos dos Ensinos Fundamental e Médio, que têm na área de Contos do Covil, uma ferramenta para realizar e aprimorar seus trabalhos escolares. Além, claro, de diversos apaixonados por literatura que por lá passeiam para se deliciarem com os mais variados contos da Literatura Universal.

E para comemorar tudo isso, este orc que vos escreve preparou uma grande reforma em todos os salões. O conteúdo continua o mesmo, mas as paredes foram pintadas e alguns cômodos redecorados. Tudo para uma melhor apreciação de todos aqueles que por aqui passeiam.

E agora temos uma página no Facebook. Basta clicar em curtir, na caixinha aí do lado, para receber em seu perfil todas as atualizações que aqui forem feitas!

Espero que gostam do novo visual!

Sobre o Covil do Orc

logo-com-fundoO Covil do Orc foi criado originalmente com o intuito de expôr minhas opiniões sobre diversos assuntos, principalmente culturais, relacionados a literatura, cinema, TV etc. Acabou se tornando algo maior ou, como gosto de dizer, tendo mais e mais salões e corredores sendo escavados todo o tempo. Hoje ganhou temas variados, colunistas e até mesmo abrangendo outras áreas.

 

 

ORCS

Criados pelo escritor inglês J. R. R. Tolkien, os “orcs são seres totalmente maléficos, incapazes de fazer o bem, que destroem tudo o que podem, matam sem piedade alguma, entre outros males não menos desprezíveis. Eles não fazem coisas bonitas, mas fazem coisas engenhosas, são capazes de construir túneis com grande habilidade, sendo superado apenas pelos anões[…]” (fonte: Enciclopédia Valinor).

São eles os exércitos do Mal, criados por Melkor, o Inimigo do Mundo, para se oporem aos homens e elfos e assim dominarem a Terra-média. Não têm grandes personalidades e vivem apenas para guerrear e matar, sempre seguindo as ordens de seus mestres.

PORQUE “COVIL DO ORC”?

O intuito é que o blog seja um paradoxo, pois os orcs são uma raça primitiva,  com um idioma pobre e nem sequer sabem ler ou  escrever. Suas tocas são cavernas sujas e asqueirosas, de terra e pedra, cheirando a carne podre e suor.

Entretanto, ao contrário de tudo isso, meu covil é limpo e bem organizado e, principalmente, todo voltado para temas culturais e sociais, além de muitas curiosidades sobre outras áreas. E este orc aqui nada tem de maldoso ou asqueiroso!

 —–

Abaixo algumas notas para facilitar a caminhada pelos seus amplos corredores e um pouco do conteúdo de cada salão:

PÁGINAS

As páginas podem ser acessadas no menu horizontal, no topo do blog (uma barra negra com vários links).

  • Início: Leva às últimas 5 publicações do Covil, na página principal.
  • Mais Visitados: Lista para 5 artigos mais visitados do último mês.
  • Contos do Covil: Lista com mais de 300 contos da literatura mundial, separados em ordem alfabética por autor.
  • Livros Lidos: Uma lista com todos os livros que li desde 2006. Alguns com links para artigos relacionados publicados no Covil.
  • Contato: E-mail, MSN etc. Falem comigo!

MENU VERTICAL

Os salões do Covil, alguns amigos, outros blog e sites recomendados… enfim, tudo o que foi publicado no Covil e mais um pouco!

  • Sobre o Autor: Um pouco sobre mim
  • Salões do Covil: Cada um dos temas abre uma página com a lista de artigos relacionados a si. Por exemplo: ao clicar em literatura, uma página se abrirá contendo uma lista de todos os artigos de tema literário, listados em ordem alfabética de autor. O mesmo acontece com os outros temas.
  • Arquivo e Tópicos Recentes: Tudo o que já foi publicado no Covil.
  • Estante de Troféus: Todo o reconhecimento que já ganhamos!
  • Blog Recomendados e Sites: Alguns links para páginas de ótimo conteúdo e que também merecem ser lidas.

Ainda com dúvida? Se sim, pergunte usando o sistema de comentários abaixo! Se não, então tenha um bom passeio!!!